quarta-feira, 27 de março de 2013

VÁRIAS - (2013) BREGAS POR ELAS

Pra encerrar o Especial Mês das Mulheres do MÚSICA DAS ANTIGAS, uma coletânea exclusiva com as divas da legítima música popular brasileira, cantando aqui o que elas têm mais de mais especial: as dores e as delícias de serem MULHERES.

Mesmo considerando todas especiais, não podemos deixar de destacar a última faixa, "Amélia de Você", de Eliane de Grammont. Dentre todas, Eliane é a mais significativa aqui, pois representou como nenhuma outra o drama feminino sempre permanente na relação confusa entre a arte e a vida real dos artistas populares. Pra quem não se recorda do caso, Eliane de Grammont foi assassinada a tiros pelo também cantor Lindomar Castilho, de quem era esposa, caso que ganhou bastante repercussão e que transformou-se em símbolo do combate à violência contra as mulheres no Brasil.

* Seleção e texto de Ana Karina.


Faixas:

01 Lilian - Sou Rebelde
02 Wanderléa - Acho Que Vou Lhe Esquecer
03 Nalva Aguiar - Não Corto Mais Os Meus Cabelos
04 Elizabeth - O Mundo Onde Eu Vivo
05 Diana - Porque Brigamos?
06 Claudia Barroso - Cara E Coragem
07 Vanusa - Manhãs De Setembro
08 Joelma - Pombinha Branca
09 Evinha - Tema De Adão
10 Rosemay - Jóia
11 Núbia Lafayette - Lama
12 Pimpinela - Siga Seu Rumo
13 Julia Graciela - Anúncio De Jornal
14 Gretchen - Quiero Ser Libre
15 Bianca - Minha Amiga
16 Fafá De Belém - Dentro De Mim Mora Um Anjo
17 Roberta Miranda - Marcas
18 Sula Mazurega - Pássaro Livre
19 Rosana - O Amor E O Poder
20 Eliane De Grammont - Amélia De Você

linque

sexta-feira, 22 de março de 2013

CLAUDIA BARROSO - (1976) OS GRANDES SUCESSOS DE CLAUDIA BARROSO

Claudia Barroso, já depois de consagrada como a grande diva da música popular, teve um affair com Waldick Soriano, com quem chegou a casar-se. Deste romance, saíram muitas das pérolas de sua carreira. Fora dos palcos, as declarações de Claudia sobre temas polêmicos, como virgindade e divórcio, atingiam boa parte das mocinhas da época e influenciava comportamentos.

Nesta raríssima coletânea aqui estão alguns de seus maiores sucessos, garimpada pelo irmão Adailto, pra comunidade MÚSICA DAS ANTIGAS.

* Créditos a Adailto Baiano.


Faixas:

01 Você Mudou Demais
02 A Vida É Assim Mesmo
03 Tudo Acabado
04 Resposta Da Carta
05 Ah! Se Eu Fosse Você
06 Por Deus, Eu Juro
07 Amor Querido
08 Quem Mandou Você Errar?
09 Eu Te Agradeço
10 Eu Quero Ser Feliz
11 Aviso
12 Vai, Não Te Quero Mais
13 Não Adianta Mais Chorar
14 Meu Coração Fechou A Porta


KÁTIA - (1980) KÁTIA

Chegamos aqui quase ao final de nosso especial só com as grandes divas da música popular. Pra arrematar o mês, destacamos dois posts com alguns dos casos mais famosos no meio musical popular...

Pra quem não se lembra, Kátia foi uma das queridinhas do Robertão, a quem dedicou suas melhores influências para deslanchar a moça na sua meteórica carreira e a quem dedicou sabe-se lá mais o quê... O fato é que a relação entre os dois era razão dos mais mirabolantes boatos nos canais de TV, no rádio e nas revistas de fofoca da época. Coisa de gente sem o que fazer...

Pra gente o que interessa é a música da moça aqui...


Faixas:

01 Cedo Para Mim
02 Um Jeito A Mais
03 Você Me Fez Crer
04 Não Pergunte Mais
05 Não Vale A Pena
06 Atitudes
07 Bons Amigos
08 Venha Ser
09 Sem Você
10 Pra Voltar
11 Uma Palavra
12 Você Tem Que Entender


terça-feira, 19 de março de 2013

WALDIRENE - (1977) WALDIRENE

Waldirene é outra cantora que sobreviveu à chamada Jovem Guarda, e com honras e glórias. Apesar da mídia supervalorizar aquela fase e ser expert em por no ostracismo boa parte das carreiras dos artistas, o pós-60, no caso de Waldirene, é que traz o melhor de sua carreira.

Este discão aqui é de 77, e é perceptível a melhora de qualidade da moça cantora, aqui já madura e evoluída daquela a quem chamavam de "Garota do Roberto". Waldirene é muito mais que uma ingênua cantora da Jovem Guarda. Merece um verbete na nossa enciclopédia da legítima música popular brasileira.


Faixas:

01 Multa E Guincho
02 Você Precisa Mudar
03 Quando O Amor É Pra Valer
04 Me Lembro Bem
05 O Amor De Nós Dois
06 Tema De Um Branco Paz
07 Melhor Amiga
08 Peito Quebrado
09 Coração Magoado
10 A Qualquer Preço
11 Você É O Homem De Minha Vida
12 Quando Você Foi Embora


SUELI - (1976) SUELI

Sueli começou sua carreira nos anos 70 e fez muito sucesso cantando covers das músicas da Celly Campello assim como de outros sucessos dos anos 50 e 60. Em 1976, a Beverly (selo da gravadora Copacabana) lançou a cantora em um compacto duplo, com quatro sucessos que haviam sido consagrados por Celly: "Estúpido Cupido", "Tunel Do Amor", "Banho De Lua" e "Lacinhos Cor-de-rosa"; logo após, este  primeiro LP, incluindo as quatro músicas mais "Muito Jovem" (Just Young), "Oh! Carol", "Dominique", "Filme Triste" (Sad Movies), "Marcianita", "Se Eu Tivesse Um Martelo" (If I Had A Hammer), "Alguém É Bobo De Alguém" (Everybody's Somebody's Fool) e "Jambalaya", versões de sucessos gringos da década anterior com orquestrações feitas pelo maestro Waldemiro Lemke, o mesmo que havia feito os arranjos para o LP "Brotinho Encantador", da própria Celly. (Fonte: Orkut, revisada.)

* Créditos ao Arquivos DoVinilAoCD.


Faixas:

01 Estúpido Cupido
02 Banho De Lua
03 Lacinhos Cor De Rosa
04 Túnel Do Amor
05 Muito Jovem
06 Oh! Carol
07 Dominique
08 Se Eu Tivesse Um Martelo
09 Jambalaya
10 Marcianita
11 Alguém É Sempre Bobo De Alguém
12 Filme Triste


domingo, 17 de março de 2013

NALVA AGUIAR - (1977) SELEÇÃO DE OURO

A carreira de Nalva Aguiar inicia-se em sua própria cidade natal, Tupaciguara - MG, nas rádios locais. Após a sua ida para São Paulo, aos vinte e poucos anos, sua carreira deslancha e a cantora se torna uma das maiores expoentes da chamada Jovem Guarda. Nesta época são muitos os sucessos, entre eles o hit "Tá de Mal Comigo".

Logo após a fase inicial do iê-iê-iê, Nalva voltou-se para a música pop-sertaneja, e desta vertente não saiu mais. Em 1976, regravou com grande sucesso "Beijinho Doce", de Nhô Pai, posteriormente lançado num compacto que vendeu mais de quinhentas mil cópias.

Após um importante período de sucesso, Nalva entra numa fase de ostracismo, apesar de sempre apresentar-se em pequenos shows e festas. Não grava desde 1991, data de seu último álbum.


Faixas:

01 Não Volto Mais (Rock And Roll Lullaby)
02 Adeus (Goodbye)
03 I’m Waiting (For Your Love) (Sodade Meu Bem, Sodade)
04 Tu És Meu Tudo
05 Não Corto Mais Os Meus Cabelos
06 É Tarde Agora
07 José (Joseph)
08 Davy
09 Interlagos
10 Meu Dia Vai Chegar (I’m Gonna Make You Mine)
11 O Que Era Nosso (Don’t Take Your Love Away)
12 O Rapaz Por Quem Estou Apaixonada

linque

NÚBIA LAFAYETTE - (1999) A SEMPRE ROMÂNTICA (14 GRANDES SUCESSOS)

Núbia Lafayette nasceu em Assu, Rio Grande do Norte, em 21 de janeiro de 1937. Mudou-se com a mãe para o Rio de Janeiro ainda na infância. Deu os primeiros passos na carreira aos oito anos, apresentado-se na TV Tupi, no programa Clube do Guri. Em 1958 participou do concurso “A Voz de Ouro” usando o nome artístico Nilde de Araújo (seu verdadeiro nome é Idenilde de Araújo Alves da Costa). Em São Paulo, a cantora foi contratada das boates Cave e Michel.

Em 1959, gravou seu primeiro disco com o apoio de Joel de Almeida. Foi como Nilde de Araújo que a gravadora Polydor lançou o primeiro 78 rpm, com as músicas “Sou Eu” e “Vai de Vez”. Quando o grande compositor Adelino Moreira ouviu a interpretação da cantora, descobriu nela a intérprete ideal para suas músicas. O compositor sugeriu o nome Núbia Lafayette, pois tinha mais sonoridade e energia, que combinava com a voz da cantora. Nascia Núbia Lafayette que, logo em 1960, grava pela RCA o disco "Núbia Lafayette e Orquestra", cantando duas músicas de Adelino, os sambas “Devolvi” e “Nosso Amargor”. No ano seguinte repetiu o feito, gravando mais duas composições de Adelino, “Preciso Chorar” e “Solidão”. Desde então, o compositor passou a ser gravado constantemente pela cantora.

Núbia Lafayette reinou nas paradas musicais das décadas de 60 e 70. Gravou os maiores nomes da música como Carlos Gardel, Ataulfo Alves e outros, mas foi como intérprete das músicas de Adelino Moreira que alcançou os maiores êxitos da carreira. Foi premiada diversas vezes com prêmios de prestígio como Roquete Pinto, Revista do Rádio, Buzina de Ouro do Chacrinha, e o troféu "O Velho Capitão", busto de bronze de Assis Chateaubriand oferecido por Aérton Perlingeiro às personalidades mais importantes do Brasil. Apesar do grande público reconhecer “Devolvi”, “Seria Tão Diferente”, “Razão” e “Casa e Comida”, como os maiores sucessos interpretados pela cantora, Núbia possui uma extensa discografia e dentre os títulos, discos com grandes vendagens no Brasil e outros países da América Latina, onde era famosa e muito prestigiada. Na Colômbia, em 1976, foi classificada no Festival da Canção, interpretando a música “A Vida Tem Dessas Coisas” de César Sampaio, que na época fazia sucesso com a música “Secretária da Beira do Cais”.

Lamentavelmente a morte da cantora Núbia Lafayette, em 18 de junho de 2007, aos 70 anos de idade, não ganhou espaço nos noticiosos da televisão. Informar aos milhares de fãs a morte de um artista tão querido não é mais importante que discutir a idoneidade de políticos. A mesma televisão que recorre ao artista quando ele é famoso, despreza-o no primeiro declínio da carreira. É como se um artista não pudesse amadurecer ou mesmo envelhecer. Ignoram sua trajetória e aniquilam sua existência, pondo-os mais distantes do que eles já estão dos fãs. É provável que os responsáveis pelas pautas das redações dos jornais nem saibam quem foi Núbia Lafayette, quem é Adelino Moreira, ou sequer ouviu algum dia a música “Lama”, na suave e profunda interpretação da cantora. Valeu Núbia. (...) (Fonte: Blog Música Popular do Brasil.)


Faixas:

01 Devolvi
02 Casa E Comida
03 Quem Eu Quero Não Me Quer
04 Hino Ao Amor (L'Himne Á L'Amour)
05 Esta Noite Eu Queria Que O Mundo Acabasse
06 Fica Comigo Esta Noite
07 Se Ele Estivesse Aqui Agora
08 A Porta Ainda Está Aberta
09 Não Vou Me Conformar
10 Aliança Com Filete De Prata
11 Lama
12 Nossa Separação
13 Mata-me Depressa
14 Amor Sincero


CARMEN SILVA - (2005) 20 SUPER SUCESSOS

Carmen Sebastiana de Jesus, artisticamente conhecida como Carmem Silva, nasceu em Veríssimo - MG, em 22 de março de 1949.

Desde pequena, gostava de cantarolar os sucessos da época e, sempre que podia, frequentava os programas de calouros. Num desses programas, sua voz encantou o apresentador, que foi peça fundamental para o início de sua carreira: Silvio Santos.

Antes do sucesso foi babá e empregada doméstica.

Participou de vários programas de calouros. Venceu o concurso "Um Cantor Por Um Milhão / Um Milhão Por Uma Canção", da Rede Record. Gravou seu primeiro disco na gravadora Philips, um compacto duplo. Ganhou diversos prêmios e troféus, como o Roquete Pinto e o Chico Viola. Seus principais sucessos são: "Adeus, Solidão", "Fofurinha", "Sapequinha", "Espinho Na Cama", "Fotografia", "Amor Com Amor Se Paga" e "Ser Tua Namorada".

A cantora estourou em 1969, com o hit ‘Adeus, Solidão’ e se tornou um fenômeno de vendas. Mas as luzes, o sucesso, o dinheiro e o reconhecimento nacional, e até internacional, não a faziam feliz, como as pessoas pensavam. Com problemas emocionais e familiares, envolvida com religiões, sem achar o caminho para a felicidade, Carmem não via saída para sua vida tão atribulada, até que mudou os rumos de sua carreira, tornando-se cantora gospel. (Fonte: Por Onde Canta)


Faixas:

01 Fofurinha
02 Tempero Bom
03 Sempre Juntos
04 Se Você Quer Amor
05 Que Saudade De Você
06 Onde Andará Você?
07 Personagem Principal
08 Ser Tua Namorada
09 Te Amo… Te Amo
10 Formiguinha
11 O Destino Nos Separou
12 Chorando Na Estação
13 Minha Doce Loucura
14 Dor Bandida
15 Prisioneira Do Amor
16 Não Judia, Não
17 Nunca Mais Solidão
18 É Sempre Um Começo
19 O Teu Sorriso
20 Baile Na Fazenda


sexta-feira, 15 de março de 2013

WANDERLÉA - (1998) 20 SUPER SUCESSOS

Wanderléa é essencialmente uma cantora da Jovem Guarda. Sucesso absoluto nos 60, Wanderléa teve sua carreira pouco marcada nas décadas de 70 em diante. Muitos creem que o sucesso da loira se deu muito em função do trio que marcou sua história artística, formado por figuras do naipe de ninguém menos que Roberto Carlos e o grande compositor Erasmo Carlos

Então este post vai pros grandes fãs de Wanderléa. Nesta coletânea aqui, estão quase todos os seus maiores sucessos.


Faixas:

01 É Tempo Do Amor
02 Quando Vi Você Dormindo
03 Te Amo
04 Gostaria De Saber
05 Horóscopo
06 Meu Bem Lollipop
07 Foi Assim (Juventude E Ternura)
08 Prova De Fogo
09 Atende-Me
10 Acho Que Vou Lhe Esquecer
11 Eu Já Nem Sei
12 Pare O Casamento
13 Ternura
14 Hei De Encontrar Meu Bem
15 Capela Do Amor
16 Boa Noite, Meu Bem
17 Na Hora Da Raiva
18 Meu Bem Só Gosta De Mim
19 Não Lhe Quero Nunca Mais
20 Um Quilo De Doce


JOELMA - (1977) JOELMA E SEUS GRANDES SUCESSOS

Joelma, aqui, em doze de seus maiores sucessos, nesta coletânea raríssima de 77. Não fossem os garimpeiros colaboradores do MÚSICA DAS ANTIGAS, muita gente passaria sem esse clássico.

* Agradecimentos ao Juca e ao Marcos Roberto pela pérola.


Faixas:

01 Finalmente, Liberdade (Finalmente Libera)
02 Acredito Que Te Amo (Ho Capito Que Te Amo)
03 Furacão (Thunderball)
04 Onde Estás? (Mon Credo)
05 Aqueles Tempos (Those Where The Days)
06 Pra Que Sonhar?
07 Não Diga Nada (Non Dirmi Niente)
08 La Maritza
09 Casatschok
10 Comecei A Brincadeira (I Started A Joke)
11 Solidão (In My Room)
12 Perdidamente Te Amarei (T'Amo E T'Amerò)


EVINHA - (1988) OS GRANDES SUCESSOS DE EVINHA

Evinha iniciou sua carreira artística em 1961, como integrante do Trio Esperança, ao lado dos irmãos Mário e Regina. Gravou com o grupo os LPs "Nós Somos o Sucesso" (1963), "Três Vezes Sucesso!" (1964), "A Festa do Bolinha" (1966), "A Festa do Trio Esperança" (1967) e "O Fabuloso Trio Esperança" (1968). 

Em 1968, desligou-se do grupo para começar sua carreira solo. Em 1969, participou do IV Festival Internacional da Canção, classificando "Cantiga Por Luciana" em 1º lugar nas fases nacional e internacional do evento. Nesse mesmo ano, gravou seu primeiro disco solo, "Eva 2001".

Na década de 1970, lançou os LPs "Eva" (1970), "Evinha" (1973) e "Eva" (1974). Destacou-se com as gravações de "Teletema", "Que Bandeira", "Como Vai Você?" e "As Canções Que Você Fez Pra Mim", de Roberto e Erasmo Carlos, entre outros sucessos. (Fonte: Wikipedia)


Faixas:

01 Casaco Marrom (Versão Em Português E Japonês)
02 Cantiga Por Luciana
03 Teletema
04 Marido Ideal
05 Seus Olhos Falam Por Você
06 Teto De Louça
07 Perdão, Amor
08 De Tanto Amor
09 Que Bandeira
10 Como Vai Você?
11 No Meio Da Madrugada
12 Agora
13 Sonho Lindo
14 Tema De Eva
15 Casaco Marrom
16 Casaco Marrom (Versão Em Japonês)


terça-feira, 12 de março de 2013

MARTINHA - (2000) SÉRIE BIS (JOVEM GUARDA)

Uma coletânea dupla daquela a quem o safadão do Roberto carinhosamente acunhou de "Queijinho de Minas". Vai saber porque...


Faixas:

CD1

01 Barra Limpa
02 Eu Te Amo Mesmo Assim
03 Pior Pra Você, Bem Pior Pra Mim
04 Seja O Que Deus Quiser
05 Meu Vestidinho
06 Arranje Outra Namorada
07 Quero Ficar Sozinha
08 Pra Que Amar Você?
09 Historinha De Amor
10 Você Não Voltou
11 À Procura De Mim
12 A Minha Melhor Amiga
13 Eu Vou
14 Yesterday

CD2

01 Eu Daria A Minha Vida
02 Aqui
03 Gosto De Você
04 Escuta
05 Não Gosto Mais De Você
06 Eu Queria
07 Nem Mesmo Em Sonho
08 Não Sei Se Você Sabe
09 Somos Iguais
10 Não É Tristeza
11 Por Quem Estou Apaixonada
12 Volta Depressa
13 Se Não Fosse A Lua
14 Se Você Não Explicar

linque

VANUSA - (2005) 20 SUPER SUCESSOS

Ícone incontestável da Jovem Guarda, nos anos 60, Vanusa tornou-se muito mais importante para a música popular brasileira na década seguinte. Depois do lançamento do álbum de 1971, Vanusa abria espaço para uma carreira brilhante, que pendia constantemente entre músicas mais elaboradas e hits dor-de-cotovelo. Vanusa teve a sua carreira bastante abalada por seus relacionamentos pessoais. 

"(...) Sobre os rompimentos com os maridos, ela conta que em todos o motivo foi o mesmo: "Chegava um momento em que eles queriam que eu parasse de cantar", conta ela. A cada separação, saía de casa levando, além dos filhos, livros, discos e um velho gramofone, presente de Antônio Marcos. Feminista desde adolescente, mesmo sem saber o significado do termo, Vanusa colocou sua profissão acima de qualquer coisa. Levou, mas também deu, "muita porrada". De Vanucci, ganhou um soco na nuca, na saída do Canecão, no Rio, após assistir a um show de Ray Conniff. De Cotta, foi uma cabeçada, que lhe atingiu o supercílio e causou um derrame em um dos olhos. Os socos e pontapés também tinham como alvo contratantes de seus shows. Certa vez, fugiu de um show no interior de Pernambuco debaixo de tiros, só porque se recusou a sentar à mesa do coronel local. Bateu, para não apanhar, no próprio pai, Luiz Flôres. Foi no fim dos anos 60, quando contou que não era mais virgem. O pai saiu de casa e não voltou mais." (Fonte IstoÉ Gente.)


Faixas:

01 Mensagem
02 Manhãs De Setembro
03 Pra Nunca Mais Chorar
04 Caminhemos
05 Paralelas
06 Mudanças
07 O Homem De Nazareth
08 Sonho De Um Palhaço
09 Estou De Mal Com Você
10 Súplica Cearense
11 Como Vai Você?
12 Se Eu Pudesse Conversar Com Deus
13 Eu Tenho Um Amor Melhor Que O Seu
14 Porque Chora A Tarde
15 Eu Vou Ter Sempre Você
16 O Que É Meu É Teu
17 Cheiro De Luz
18 Droga Maldita
19 Sem Maquiagem
20 Era Um Garoto Que Como Eu Amava Os Beatles E Os Rolling Stones


sexta-feira, 8 de março de 2013

PERLA - (1978) LINHA 3 - DISCO DE OURO

Perla sempre foi a nossa musa maior! Pensar num especial de mulheres na música popular sem ela é impossível...

Fora o importante papel que Perla teve na MPB nas décadas de 70 e 80, não podemos deixar de destacar a sua luta como mulher. Quem viveu aquelas longínquas décadas, deparou-se com algumas das mais deploráveis situações, passadas por personalidades femininas da época. Era quase que "comum" ler nos jornais casos de violência contra mulheres, fossem elas celebridades ou não.

O apelo de Perla, em certa entrevista, ilustra isso: "Meu ex-marido me roubou. Fiquei em paranoia. Minha vida é muito parecida com a da Tina Turner. Ele me ameaçava de morte. Fiquei um ano em meu país (Paraguai) pra me recuperar. Tive de começar do zero. Chorei muito. Aí, fiz tratamento de psicanálise por cinco anos. (...)" O tal marido era o mesmo que, em outro fato, pôs fogo no cabelo de Perla, após espancá-la brutalmente.

Fatos impensáveis por qualquer desavisado, ocorridos na vida de uma mulher que cantou como ninguém o amor pela vida.


Faixas:

01 Fernando
02 Eu Preciso Abraçar-te
03 Estrada do Sol
04 Sonhos
05 Deus, Como Te Amo
06 Hipocrisia
07 El Bimbo
08 Eu Sei Tudo, Professor
09 Nuvem Passageira
10 Pombinha Branca
11 E Viva o Amor
12 Estúpidos
13 Brindo Por Ti e Por Mim
14 Linda, Linda

linque

DIANA - (1976) O MELHOR DE DIANA

Neste mês de março, mês da mulher, o MÚSICA DAS ANTIGAS é inteiramente dedicado a elas; àquelas que, em plenas décadas de predominância machista, nunca deixaram de soar suas vozes, ora contestadoras, ora delicadas, para transformar este mundo num lugar mais tolerável e mais humano.

Diana, abra os trabalhos!

Esta coletânea aqui é de 1976, ano em que a ONU passou a celebrar o 08 de março como Dia Internacional da Mulher, em ocasião da Década Internacional da Mulher (1976-1985). E Diana não figura aqui por acaso. Quem abria as revistas de fofoca da década de 70 deparava-se com o casal Odair José & Diana em alguma página, e era comum que a notícia fosse dos clássicos desentendimentos entre o casalzinho pop da época. Diferentemente das tragédias ocorridas naquela mesma década, apesar da conturbada relação, a pendenga terminou com ambos vivos e cuidando das suas vidas e carreiras independentes... Sorte nossa!


Faixas:

01 A Música Da Minha Vida
02 Um Mundo Só Pra Nós
03 Ainda Queima A Esperança
04 Hoje Sonhei Com Você
05 Agora Que Sou Livre
06 Amor Só Se Paga Com Amor
07 No Fundo De Minha Alma
08 Porque Brigamos
09 Esta Noite Lhe Digo Que Não
10 Lá Fora Faz Muito Frio
11 Tudo Que Eu Tenho
12 Uma Vez Mais
13 Estou Completamente Apaixonada
14 Vivo Só Pensando Em Ti


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Linque quebrado?

Encontrou algum linque quebrado?

Marcadores

A Patotinha (1) Abdias (2) Abílio Farias (7) Abílio Manoel (1) Absyntho (1) Adelino Nascimento (12) Adilson Ramos (8) Adriana (7) Adriano Santa Cruz (1) Agepê (1) Agildo Ribeiro (1) Agnaldo Rayol (2) Agnaldo Timoteo (17) Alcides Gerardi (1) Aldo Sena (1) Alípio Martins (14) Almir Ricard (1) Almir Rogério (7) Altemar Dutra (2) Amado Batista (18) Amelinha (1) Amilton Lelo (10) André Amazonas (1) Angela Maria (4) Angélica (1) Angelo Máximo (10) Anísio Silva (2) Antonio Carlos e Jocafi (1) Antonio Marazona (1) Antonio Marcos (21) Ary Lobo (1) Ary Toledo (1) Assisão (1) Augusto César (3) Babau do Pandeiro (6) Balthazar (7) Banda Cabeça Enfeitada (1) Barros de Alencar (12) Bartô Galeno (15) Bebeto (2) Benito di Paula (2) Beto Barbosa (6) Betto Dougllas (5) Biafra (7) Bianca (2) Bicho Véi do Brega (1) Boas-vindas (1) Borba de Paula (2) Canarinhos de Petrópolis (1) Capital do Sol (1) Carlito Gomes (3) Carlos Alberto (6) Carlos Alexandre (20) Carlos André (9) Carlos Colla (3) Carlos Gonzaga (2) Carlos José (1) Carlos Santos (8) Carlos Silva (1) Carmen Silva (12) Cast RCA (1) Cauby Peixoto (6) Célio Roberto (5) Cesar Sampaio (8) Chacrinha (1) Chico Amaro (1) Chico Lopes (1) Cid Moreira (1) Claudette Soares (2) Claudia (1) Claudia Barroso (11) Cláudia Telles (3) Claudio de Barros (1) Claudio Di Moro (3) Cláudio Fontana (4) Claudio Galeno (1) Claudio Roberto (3) Clemilda (1) Coro Infantil da FuNaBEM (1) Coroné (1) Coronel Ludugero (1) Cristiano Neves (1) Demetrius (1) Denis e Demian (1) Diana (18) Dicró (1) Dino Rossi (1) Discografia (14) Donizeti (2) Dory Edson (1) Dudu França (4) Ed Wilson (1) Édel Reis (2) Edelson Moura (1) Edson de Oliveira (1) Edson Duarte (4) Eduardo Araújo (3) Eli Correa (1) Eliana Pittman (1) Elino Julião (10) Elisângela (3) Elizabeth (2) Elymar Santos (1) Erasmo Carlos (7) Evaldo Braga (20) Evaldo Freire (8) Evinha (2) Fábio (1) Fábio Jr (9) Fafá De Belém (2) Falcão (7) Fernando Lelis (10) Fernando Luiz (5) Fernando Mendes (25) Franc Landi (1) Francis Dalva (3) Francisco Cuoco (13) Francisco Petrônio (7) Frankito Lopes (14) Fredson (6) Genghiskan (1) Genival Lacerda (9) Genival Santos (12) Geraldo Nunes (3) Giane (3) Gilberto Lemos (4) Gilberto Reis (1) Gilliard (14) Gilson (3) Gretchen (7) Harmony Cats (1) Heleninha (1) Heleno (5) Helio Portinhal (2) Hermes Aquino (1) Ismael Carlos (10) Ivan Peter (3) Ivon Cury (1) J. Aquino (5) Jacinto Limeira (1) Jair Rodrigues (1) Jane e Herondy (12) Jayne (1) Jerry Adriani (16) Jessé (1) Joanna (3) João Dias (1) João Gonçalves (2) João Só (1) João Viola (2) Joelma (9) Jorginho do Império (1) José Augusto (19) José Augusto Sergipano (1) José Orlando (4) José Ribeiro (8) José Roberto (5) Juanita (3) Juanita e Richard (3) Juca e Jeca (1) Juca Medalha (1) Julia Graciela (2) Júlio César (6) Júlio Nascimento (4) Kátia (13) Katia Cilene (1) Kleber (1) Lafayette (3) Latino (1) Leila (1) Leila Silva (1) Lenita Santos (1) Leno (2) Leno & Lilian (3) Leonardo (2) Lilian (9) Lindomar Castilho (17) Lindomar Lins (1) Lindú (1) Los Angeles (1) Luan e Vanessa (1) Luiz Américo (2) Luíz Caldas (1) Luiz Carlos Magno (3) Mamonas Assassinas (1) Mara (1) Marcelo (1) Marcelo Reis (4) Marcio França (3) Marcio Greyck (16) Marcio José (11) Marcos Roberto (10) Marcos Sabino (1) Marcus Pitter (1) Maria Alcina (3) Marinês (1) Mario Gomes (1) Maritza Fabiani (1) Marizinha (1) Markinhos Moura (3) Martinez (1) Martinha (7) Matogrosso e Mathias (1) Maurício Mattar (1) Maurício Reis (9) Maurinho da Mazzei (1) Maurinho Jr (1) Mauro Celso (3) Mauro Cotta (1) Mauro Sérgio (1) Meire Rose (1) Messias Holanda (4) Michael Sullivan e Paulo Massadas (2) Miguel Angelo (1) Miguel De Deus (1) Miltinho Rodrigues (1) Moacyr Franco (10) Nahim (3) Nalva Aguiar (6) Nelson Gonçalves (8) Nelson Montenegro (1) Nelson Ned (8) Nilton César (10) Nilton Lamas (5) Nora Ney (5) Noriel Vilela (1) Núbia Lafayette (10) Odair José (30) Onildo Almeida (1) Orlando Dias (4) Orlando Silva (2) Os 3 do Nordeste (1) Os Incríveis (2) Osvaldo Oliveira (2) Oswaldo Bezerra (5) Ovelha (5) Patrick (1) Paulo de Paula (4) Paulo Diniz (3) Paulo Henrique (2) Paulo Márcio (3) Paulo Moraes (1) Paulo Sergio (19) Peninha (9) Perla (19) Pholhas (1) Pinduca (3) Raimundo Soldado (9) Raul Gil (1) Raul Seixas (3) Raulzinho (1) Regina Duarte (1) Reginaldo Rossi (27) Renato e Seus Blue Caps (2) Ricardo Braga (11) Rita Cadillac (1) Ritchie (2) Roberto Barradas (2) Roberto Barreiros (2) Roberto Leal (6) Roberto Luna (1) Roberto Müller (6) Roberto Nunes (1) Ronaldo Adriano (6) Ronaldo Resedá (1) Ronnie Von (8) Rony Cardoso (1) Rosana (7) Rosemary (8) Rossini Pinto (1) Rufino (1) Sandra De Sá (1) Sandro Becker (4) Sara Sonaya (1) Sarajane (1) Sérgio Mallandro (9) Sérgio Reis (5) Sidney Magal (8) Silvana (1) Silvinha (2) Silvinho (3) Sol (2) Sueli (1) Sula Mazurega (1) Sula Miranda (1) Sylvinho (2) Tarântulas (1) Tarcys Andrade (1) Teixeira de Manaus (2) Tetê Espíndola (1) The Clevers (1) The Fevers (6) The Golden Boys (1) Tião Macalé (1) Tiririca (2) Tony Damito (3) Trio Esperança (1) Trio Irakitan (1) Trio Nordestino (1) Trio Xamego (1) Tutti-Frutti (1) Vanusa (12) Vários Artistas (120) Verônica Sabino (1) Vic McKenzie (1) Virgilio (1) Wagner Montes (2) Waldick Soriano (28) Waldir Ramos (3) Waldirene (6) Waleska (1) Walter Basso (3) Wanderléa (8) Wanderley Andrade (1) Wanderley Cardoso (8) Wando (14) Wilson Miranda (1) Yahoo (1) Zé Calixto (1) Zenilton (3) Zezinho Barros (1)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...