segunda-feira, 30 de maio de 2016

FERNANDO MENDES - (2005) SÉRIE NOVA BIS

Antes que o mês de maio se acabe, precisamos informar aos bregueiros de plantão que não nos esquecemos do grande Fernando Mendes. Foram trocentos pedidos (a gente aumenta, mas não inventa...) e outros tantos insistentes suplicando algum material do inesquecível bardo brega, até que uma alma caridosa - a Maria da Glória, de Brasília - resolveu garimpar uma pérola qualquer pela rede e nos mandou a presente coletânea. Muto boa, por sinal. Estão aqui os clássicos do "sádico poeta" e muito mais: 

Mais que uma simples lembrança do artista, o MÚSICA DAS ANTIGAS faz questão de celebrar a passagem da data do aniversário de Fernando Mendes, no último dia 7, dia em que completou seus sessenta e seis anos, quase que inteiramente dedicados à boa e velha música popular brasileira.


Faixas:

CD 1

01 Sorte Tem Quem Acredita Nela
02 Cadeira De Rodas
03 Voa, Pombinha
04 Menina Da Janela
05 O Internato
06 A Menina Da Calçada
07 Você Não Me Ensinou A Te Esquecer
08 Ontem, Hoje, Amanhã
09 A História Do Cowboy Apaixonado
10 João De Maria
11 Mal-Me-Quer, Bem-Me-Quer
12 Muda, Surda E Cega
13 Eu Só Quero Te Ver Feliz
14 Bem Feito

CD 2

01 A Desconhecida
02 Recordações
03 Menina Do Subúrbio
04 Quem Ama De Verdade
05 Menina Da Platéia
06 Eu Queria Dizer Que Te Amo Numa Canção
07 Caminho Incerto
08 Feitiço
09 Menina
10 Não Consigo Lhe Esquecer
11 Você Deixou Mamãe Chorando
12 Teu Sonho Não Acabou
13 A Mendiga
14 Felicidade


ÂNGELO MÁXIMO - (2013) SUCESSOS DE OURO E MUITO MAIS

Ângelo Máximo iniciou a carreira cantando em programas de calouros. Em 1975, lançou pela gravadora Beverly o disco "Ângelo Máximo". Neste LP, interpretou "Minhas Férias Sem Você", de Tony Damito, "Venha Comigo Amanhecer", de Lucinha, "Quando o Dia Nascer", de Laerte Freire e Valentino Guzzo, além de composições próprias, como "Vem Me Fazer Feliz", com Juliano Rivas, "Morte... Sorte", com Sócrates, e "Mundo Encantado", em parceria com Hébano. Em 1977, teve as músicas "Domingo Feliz", "Um Estranho na Multidão" e "Vem Dançar Comigo" incluídas no LP "Ânegelo Máximo: Seleção de Ouro", da gravadora Beverly. 

Em 1978, lançou mais um disco pela gravadora Copacabana, no qual interpretou as músicas "Contradições", de Hébano e Totó, "Dê-me Outra Chance", de Hébano e Juliano Rivas e "O Sol Quer Ver Você", de Cassiano Costa e Nicéas Drumont, além de composições próprias: "Não Posso Aceitar Seu Adeus", com Nicéas Drumont, e "Vou Partir Chorando", com Arthur Moreira e Geraldo Nunes.

Em 1999, teve a música "Domingo Feliz" relançada no CD "A Discoteca do Chacrinha (Volume 2)", da Universal Music.

Em 2000, lançou o CD "Ângelo Máximo Visita o Sertão", interpretando, entre outras, "Tô Diferente", "Ainda Dói Demais", "Meu Destino", "Perdoa Por te Amar Assim", "De Bem Com a Vida" e "Feitiço".

Seus grandes sucessos foram as músicas "A Primeira Namorada" e "Domingo Feliz".


(Fonte: Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira - revisada.)


Faixas:

01 Elvis Não Morreu
02 Domingo Feliz (Beautiful Sunday)
03 A Primeira Namorada
04 Diana
05 La Bamba
06 Menina Linda (I Should Have Known Better)
07 De Volta Pro Aconchego
08 Io Che Non Vivo Senza Te
09 O, Sole Mio
10 Pout-Pourri: Dio Come Ti Amo / Champagne / Io Che Non Vivo Senza Te
11 Minhas Férias Sem Você
12 Quando A Saudade Doer
13 Médica
14 Volare (Nel Blu Dipinto Di Blu)


VÁRIOS - (1988) AMOR ETERNO (GRANDES SUCESSOS DE MICHAEL SULLIVAN & PAULO MASSADAS)

Ivanilton de Souza Lima, popularmente conhecido como Michael Sullivan, nasceu em Recife (PE), no dia 9 de março de 1950. Começou cantando na noite de Recife com catorze anos de idade e, aos quinze, participou de alguns concursos de calouros como; “Varieté”, de Nilson Lins, na Rádio Jornal do Commercio. Ganhou em primeiro lugar e recebeu o seu prêmio, a carteira profissional da Ordem dos Músicos do Brasil e um contrato com a TV Jornal do Commercio. E, assim, iniciou sua carreira de cantor, nos programas da emissora – “Você Faz o Show”, “Noite de Black Tie “ e “Bossa 2” –, respondendo e consagrando-se, desde então, como revelação pernambucana.

Aos dezessete anos, Michael Sullivan se mudou para o Rio de Janeiro (RJ), onde conheceu Hyldon (com quem compôs sua primeira música, em 1968), Pial (guitarrista de black music que trabalhou com Tim Maia), Tinho (saxofonista e arranjador, que trabalhou com Tim Maia e foi um dos fundadores do Vitória Régia) e com estes formaram o grupo Os Nucleares e fizeram sua primeira gravação, no ano 1969, em vinil, pela RCA . Logo, Michael Sullivan conheceu Cassiano e Tim Maia. Tim foi quem o ensinou a tocar violão e quem também gravou a primeira composição de sucesso da dupla Sullivan & Massadas, “Me Dê Motivo”.

Aos dezenove anos, Michael Sullivan integrou o grupo Os Selvagens e, aos vinte e um, o grupo Renato & Seus Blue Caps, como cantor e guitarrista. Sua passagem pelo grupo Renato & Seus Blue Caps resultou em seis discos de ouro, cuja vendagem chegou a mais de um milhão de discos. Ainda no Renato & seus Blues Caps, Michael Sullivan iniciou sua carreira solo, com a música “My Life” (sua segunda composição), então parte da trilha sonora da novela “O Casarão”, da Rede Globo de Televisão. O compacto “My Life” se tornou para o mercado fonográfico um dos mais vendidos no país, superando a marca de um milhão de cópias, o que equivalia a um disco de diamante. Em 1978, Michael Sullivan gravou pela Capitol o LP “Um Mundo Melhor Pro Meu Filho” e, em 1979, o LP "Michael Sullivan", pela gravadora K-Tel. De 1980 a 1986, foi integrante do grupo The Fevers.

Nascido na cidade de Rio de Janeiro (RJ), Paulo Massadas começou a despertar para a música a partir da década de 60. Motivado por movimentos como a beatlemania, a jovem guarda, a tropicália e os grandes  festivais de música popular brasileira. Massadas começou a sua primeira banda em 1967. Entretanto, o batismo profissional aconteceu em 1972 quando o maestro Lincoln Olivetti convidou-o para cantar e tocar contrabaixo em seu conjunto de baile, juntamente com Serginho Herval (Roupa Nova) na bateria. Sua primeira canção a ser gravada foi “O Mago de Pornois”. Era uma canção infantil interpretada pela cantora Vanusa e foi exibida no programa Fantástico, da Rede Globo, em 1973. Nos anos seguintes, Paulo Massadas viria a se dedicar à conclusão do seu bacharelado em Publicidade e Propaganda, pela Universidade Gama Filho (RJ).

Em 1978, Paulo Massadas deu início à sua parceria com o cantor e compositor Michael Sullivan. No entanto, somente no final de 1983, a dupla Sullivan & Massadas alcançaria o seu primeiro grande hit, com a gravação da canção “Me Dê Motivo” por Tim Maia. Nesse mesmo ano, “Meu Ursinho Blau Blau”, uma outra música de Paulo Massadas (em parceria com Sérgio Diamante), também alcançava o topo das paradas e, em 1984, já trabalhando como produtor e compositor exclusivo da gravadora BMG, pode realizar um antigo sonho: compor músicas para crianças. A partir dessa ideia, foi criado o projeto “Clube da Criança”, com a participação de Patrícia e Luciano (que mais tarde seriam a base do grupo Trem da Alegria). Foram também convidados a participar desse trabalho o Palhaço Carequinha e uma apresentadora de um programa infantil da Rede Manchete de Televisão, chamada Xuxa. Esse projeto viria a desencadear o maior boom do mercado infantil brasileiro. Foram eles os grandes responsáveis pelo estrondoso sucesso de vendagem dos discos do programa "Xou da Xuxa", da Rede Globo. Foram, além do compositores, produtores dos discos, a partir do volume dois (Xegundo Xou da Xuxa). Foi aí que seguiu-se uma verdadeira avalanche de sucessos, músicas criadas nos mais variados estilos, que caíram no gosto popular e passaram a ditar as novas regras do mercado fonográfico: “É de Chocolate” (Clube da Criança), “Uni-Duni-Tê (Trem da Alegria), “Nem Morta” (Alcione), “Leva” (Tim Maia), “Whisky a Go-Go” (Roupa Nova), “Amanhã, Talvez” (Joanna), “Um Dia de Domingo” (Gal Costa e Tim Maia), “Deslizes”(Fagner), “Lua de Cristal” (Xuxa), “Amor Perfeito” (Roberto Carlos) e muitos outros êxitos interpretados pelos grandes nomes da música popular brasileira. 

Em 1986, Paulo Massadas produziu pela gravadora BMG um projeto em português para o cantor e compositor Juan Manuel Serrat, um dos maiores fenômenos da música espanhola. Esse disco contou com a participação de Caetano Veloso, Maria Bethania, Gal Costa, Toquinho e Fagner. Em outubro de 1987, juntamente com Michael Sullivan, na cidade de Los Angeles (EUA), Paulo Massadas compôs e gravou com Jermaine Jackson a swingada “I Need Somebody “, bem ao estilo Jackson 5, para o disco “Michael Sullivan & Paulo Massadas”. Outro grande convidado a participar desse trabalho foi Sérgio Mendes, um dos maiores ícones da música brasileira em todo o mundo. Esse projeto, lançado pela gravadora BMG, também contou com a participação de Sandra de Sá, Alcione, Fafá de Belém, Roupa Nova, Joanna, Fagner, Rosana, José Augusto, Patrícia Marx e Trem da Alegria, na canção “Dê Uma Chance ao Coração”.

A dupla foi a responsável pelo tema do programa "Domingão do Faustão", da Rede Globo, e, em 1990, a gravadora Som Livre lançou o CD “Sullivan & Massadas ao Vivo”. Nesse trabalho, Sullivan & Massadas cantavam músicas consagradas pela dupla, em duetos com Fagner, Fafá de Belém, Joanna, José Augusto e Alcione. A gravadora Sony, de Portugal, no ano de 1999, convidou Paulo Massadas para produzir um projeto infantil para a televisão portuguesa (TVi). Esse trabalho se tornou um grande sucesso de vendas, chegando a disco de platina dupla. No ano seguinte, Massadas voltou à Lisboa (Portugal) para produzir o volume dois . As vendas desse novo disco superaram as do disco anterior, gerando um segundo disco de platina dupla. No ano 2000, Paulo Massadas recebeu um convite da Fonovisa (na época a maior gravadora latina do mundo) para trabalhar como produtor e foi viver nos Estados Unidos. Desde então, começou a atuar no mercado latino. No momento (2010), Massadas possui mais de setenta músicas gravadas em espanhol. Como produtor da Xuxa, juntamente com Michael Sullivan, Massadas vendeu cerca de vinte milhões de discos no Brasil, Europa e América Latina. Atualmente, Massadas possui mais de setecentas canções gravadas em todo o mundo. Artistas internacionais como Julio Iglesias, Ricky Martin, Billy Paul, Gregory Abbott, Juan Manuel Serrat, Jermaine Jackson, Ana Gabriel, Lupita D’ Alessio, Chayenne, Richard Clayderman e outros experimentaram versões, produções e/ou composições de Paulo Massadas.


(Fonte: Arquivo da Fama - revisada.)


Faixas:

01 Deslizes (Fagner)
02 Um Dia De Domingo (Gal Costa E Tim Maia)
03 Nem Um Toque (Rosana)
04 Retratos E Canções (Sandra De Sá)
05 Amanhã Talvez (Joanna)
06 Dê Uma Chance Ao Coração (Michael Sullivan & Paulo Massadas E Seus Amigos)
07 Pra Recomeçar (Michael Sullivan & Paulo Massadas E Sandra De Sá)
08 Leva (Tim Maia)
09 Te Cuida, Meu Bem (Patrícia)
10 Nem Morta (Alcione)
11 Manequim (Ney Matogrosso)
12 Coisas Mais Loucas (Fafá De Belém)


SIDNEY MAGAL - (2005) NOVO MILLENNIUM

Após um longo intervalo sem aparecer por aqui, o celebrado Sidney Magal está de volta, numa coletânea com seus principais clássicos. A Série Novo Millennium, lançada pela gravadora Universal Music em meados dos anos dois mil, acertou na tentativa de trazer para a era digital o vasto acervo herdado de gravadoras como a Mercury e outras, incorporadas na virada do século.

Pra nossa sorte, aí está o maior dos cafajestes, que reinou absoluto nos anos setenta e oitenta, e que nos honra ainda em plena atividade. É por caras como Magal, que a gente pode hoje se orgulhar de nossas belas e indefectíveis camisas de papel de presente...


Faixas:

01 Amante Latino
02 Se Te Agarro Com Outro, Te Mato
03 Tenho
04 Sandra Rosa Madalena, A Cigana
05 Bela Sem Alma
06 Dançar É Uma Delícia
07 Você Me Acende
08 Meu Sangue Ferve Por Você
09 Quero Te Fazer Amor
10 Mulher
11 Nada Além
12 Renúncia
13 Dos Meus Braços, Tu Não Sairás
14 O Que Será, Será
15 Mambo Jambo
16 Alegria De Viver
17 Agora Sou Feliz
18 Mentiras
19 Conhecer-Te
20 Trini Mix: Cuando Calienta El Sol / Piel Canela / Perfídia


GRETCHEN - (2011) CHARME, TALENTO & GOSTOSURA

Ontem, dia 29 de maio, a senhora Maria Odete Brito de Miranda, mais conhecida por Gretchen, completou seu cinquenta e sete anos de vida ainda com muita atividade. Ou, como diria o título da coletânea aqui postada: com "charme, talento e gostosura". Claro que falamos de sua música, já que a beleza da outrora musa de todas as bundas se perdeu nos exageros destas épocas de mulheres de plástico.

A Gretchen das antigas está toda aqui, nesta boa coletânea, pra quem deseja relembrar seus tempos áureos... Tempos em que cantava em inglês e se dançava e se rebolava no mais baixo calão. Yeah!


Faixas:

01 Conga, Conga, Conga
02 Dance With Me
03 Freak Le Boom Boom
04 Carmem Miranda
05 Melô Do Piripipi
06 Ela Tem Raça, Charme, Talento E Gostosura (Com Luís Wagner)
07 Melô Do Pata Pata
08 Toda Mañana
09 Bate, Bate, Coração
10 Break Boom Boom
11 Allah-La-Ô, My Love
12 I Was Born To Love You
13 Coochie-Coochie
14 Me Gusta El Cha-Cha-Cha


terça-feira, 24 de maio de 2016

CHICO LOPES E BANDA AQUÁRIUS - (1996) FÃ DE ELIANE

Uma dose de humor com forró de primeira linha. Era para ser só uma brincadeira. Um cantor todo "atravessado", deslizando no ritmo com uma voz rouca. Entretanto, a brincadeira caiu na preferência dos forrozeiros e o resultado foi um sucesso estrondoso.

Em 1996, a gravadora Som Zoom apresentava um de seus quadros. o cantor "Chico Lopes". Na capa do LP, o artista vestido de Super-Homem em cima de um jet ski, em uma piscina. Chico Lopes, o "Astro de Mossoró", chegou com a música "Fã de Eliane", uma homenagem à "Rainha do Forró": "Sou louco pra te conhecer / Sou apaixonado pela sua voz / Eu sou seu fã / Eu sou seu admirador". A música se tornou uma das mais executada no São João de 1996, desbancando grandes bandas da época. Era música principal de qualquer repertório, de qualquer nome que tocasse forró. Acompanhado pela Banda Aquárius, do cantor Xampu Lopes, Chico Lopes se apresentou em vários estados do Brasil. A irreverência ganhou uma dupla forrozeira, que misturava forró com humor dançante.

Chico Lopes hoje tem seus setenta e poucos anos; é aposentado; mora na capital cearense - comprou sua casa com o dinheiro que ganhou - e vive bem. Para quem não sabia, ele era um vendedor de picolé.

Na época, numa cidade na Paraíba, aconteceu até de os fãs invadirem a casa de shows para ver o Chico Lopes. A turma participou de micaretas e grandes eventos no Brasil, sempre era gente "a perder de vista". Mas, se tudo andava bem e era sucesso, porque acabou e ficou apenas em um LP? Segundo informações do cantor Xampu Lopes, Chico Lopes era pra ser exatamente como era. E eles, no palco, com muito humor, tinham de ser daquele jeito: tudo errado mesmo, com a gostosa brincadeira.

Foi assim que o povo conheceu Chico Lopes, "atravessando" tudo, enfim. Mas ele começou a achar que já era cantor mesmo. A partir daí, a galera só aguentava até a terceira música.


(Fonte: Rádio FM João XXIII - revisada.)


Faixas:

01 Fã De Eliane
02 Corocotum
03 Chorão
04 Quem Foi Que Lhe Falou?
05 São Jõao Se Aproxima
06 Rapariga
07 Esmeralda
08 Fã Do Amado
09 Tô Roendo
10 Conheça O Ceará
11 É Legal Demais
12 Adeus, Fortaleza
13 Fã De Eliane
14 Chorão


FRANCIS DALVA - (2014) SUCESSOS DASANTIGAS

Francis Dalva, a forrozeira lambadeira, sucesso nos anos 80, está de novo por aqui, no MÚSICA DAS ANTIGAS, pro início de nossas festas juninas.

Pra relembrar, a cantora e compositora Francis Dalva nasceu em Belém (PA), no dia 9 de março de 1955, e o auge de sua carreira se deu, mais precisamente, na primeira metade dos anos oitenta e emplacou diversos sucessos, como "Ovelha Desgarrada", gravada por Fafá de Belém, "Beija-Flor (Vale de Ilusões)", "Fogo Ardente", "Xamego, Xamegando", "Rato, Gato e Sapato", "Ritmo Quente" e vários outros que deixaram saudade.

Francis Dalva continua hoje morando em Belém (PA), embora tenha aparentemente preferido afastar-se dos agitos da estrada e dos estúdios. Mas, por aqui, não há espaço para esquecimentos... Principalmente, quando falamos de uma artista que tanto contribuiu para nossa música popular brasileira...

A presente coletânea, com vinte e quatro sucessos, já estava por aí, dando mole pelas quebradas da rede. Apenas demos-lhe um nome e uma singela capa. Então, está aí a nossa pequena homenagem à grande Francis Dalva.


Faixas:

01 Ritmo Quente
02 A Lua Brilhou Nos Teus Olhos
03 Galope
04 Só Marajó
05 Eu Quero
06 Ovelha Desgarrada
07 Beija-Flor
08 Fogo Ardente
09 Vamos Amar
10 Como Pude Perder Você?
11 Cantiga Pro Guajará
12 Férias De Amor
13 O Teu Inferno
14 Aves Brancas
15 De Volta À Minha Terra
16 Imaginação
17 Sonhei Com Você
18 Procurando Amor
19 Rato, Gato E Sapato
20 Ciranda Na Lua
21 Vem Ficar Comigo
22 Faça Uma Canção
23 Miragem
24 Xamego, Xamegando


MARINÊS - (1998) 20 SUPER SUCESSOS

Marinês, nome artístico de Inês Caetano de Oliveira - nascida em São Vicente Férrer (PE), no dia 16 de novembro de 1935, e falecida em Recife (PE), em 14 de maio de 2007 -, foi uma cantora de forró, baião e xaxado, entre outros ritmos.

Filha de pai seresteiro, Marinês iniciou a carreira na banda "Patrulha de Choque do Rei do Baião", que formou com o marido Abdias e o zabumbeiro Cacau, para apresentar-se na abertura dos shows de Luiz Gonzaga.

Marinês gravou o primeiro disco em 1956, já à frente do grupo Marinês e sua Gente, com o qual se consagrou. A canção que consagrou Marinês foi "Peba na Pimenta", de João do Vale, José Batista e Adelino Rivera, que causou polêmica na época em que foi gravada, devido ao seu duplo sentido. Ela aparece interpretando a canção no filme "Rico Ri à Toa", de 1957.

Marinês morreu em 14 de maio de 2007 aos 71 anos. Ela se recuperava no Real Hospital Português de Beneficência, no Recife, de um Acidente Vascular Cerebral sofrido dias antes. O corpo da cantora foi sepultado no dia 15 de maio de 2007, no Cemitério Campo Santo Parque da Paz em Campina Grande, na Paraíba.


(Fonte: Wikipedia - revisada.)


Faixas:

01 Tudo É Bom E Nada Presta
02 É No Balanço Do Mar
03 Janaína
04 Caçador De Tatu
05 Matuto
06 Sete Punhá
07 Ladeira Do Penar
08 Vê Se Vê
09 Sanfoneiro Pé De Serra
10 Teu Amor É Uma Chama
11 Aproveita, Pessoá
12 Romaria
13 Tema De Amor
14 Ora! Viva São João
15 O Sininho Do Amor
16 Cantiga De Viola
17 Amor É Mais Amor
18 Fartura No Nordeste
19 Tara-Ra-Rá
20 Tema Do Juízo Final


JOÃO GONÇALVES - (2001) ONTEM E HOJE (VOL. 1)

Dia 29 de maio é o dia de João Gonçalves comemorar seus oitenta anos de vida. Como bom forrozeiro que é, nasceu em véspera de festa junina. E justo em Campina Grande... Mais que predestinado esse João Gonçalves.

Pra comemorar, a gente roda essa coletânea de 2001, "Ontem e Hoje (Vol. 1)" e, de quebra, vai esquentando o povo todo pra nossa festa junina brega.

Estão aqui alguns dos clássicos de João Gonçalves, como "Não Vá Em Cabeça Rola", "Pescaria Em Boqueirão", "Hoje, Eu Passo Lá", "Mudei Pra Melhor", "No Meio das Bandas", "Banda de Coco", "Eu Viro Uma Bola", "Resposta", entre outros.

Lasca, João Gonçalves!


Faixas:

01 O Cabo Sumiu
02 Hoje, Eu Passo Lá
03 Não Vá Em Cabeça Rola
04 Mudei Pra Melhor
05 Deus Existe
06 Campina De Outrora
07 Pescaria Em Boqueirão
08 Banda De Coco
09 Linda Maranhense
10 Onda De Vaqueiro
11 Mané Coió
12 Resposta
13 No Meio Das Bandas
14 Eu Viro Uma Bola


ELINO JULIÃO E MESSIAS HOLANDA - (2006) BRASIL POPULAR

O mês de maio já vem anunciando as festas que se aproximam e, não por coincidência, traz também lembranças daqueles que cantaram o eterno ritmo das épocas juninas. Um deles é Elino Julião, forrozeiro potiguar falecido há dez anos, no dia 20 de maio. E estamos aqui pra relembrar e festejar aquele que foi um dos fundadores do chamado "forró brega".

Elino aparece aqui numa coletânea conjunta com o também mestre Messias Holanda. A compilação faz parte da série "Brasil Popular", lançada no ano de 2006. Cá pra nós, uma pérola após a outra...

Salve, Mestre Elino!


Faixas:

01 Tá Faltando Paletó
02 Pra Tirar Côco
03 Na Unha Do Guaxinim
04 Maria
05 Meu Bauzinho De Felicidade
06 Pescaria Em Boqueirão
07 O Mela-Mela
08 Paraí-Ba
09 Cara De Durão
10 Vendedora De Rapé
11 Mulher De Verdade
12 Pedaço De Morena
13 Atchim

linque

segunda-feira, 16 de maio de 2016

BARTÔ GALENO - (2000) GRANDES SUCESSOS

Há tempos, o ícone do brega Bartô Galeno não aparecia por aqui com uma postagem exclusiva. Então, com o pretexto da passagem de seu aniversário, no próximo dia 20 de maio, a gente se adianta e antecipa as comemorações, que já viraram uma tradição.

Como se pode conferir nos comentários de nossas postagens, uma leva significativa de fãs passa o ano inteiro pedindo, implorando material novo do eterno cantor de "No Toca-Fita Do Meu Carro". Ainda que toda a discografia do cantor já esteja disponibilizada por AQUI e AQUI, mesmo assim, aí vai mais um!

O álbum é uma coletânea de seus grandes sucessos, como o próprio título anuncia. E cumpre mesmo o que promete. Poucas coletâneas trazem o mestre nas suas canções mais representativas.

Antes de todos, vai aí um "Feliz aniversário, Bartô!"... De toda comunidade do MÚSICA DAS ANTIGAS...


Faixas:

01 Pelo Menos, Uma Palavra
02 Sorriso De Moça
03 Vou Tirar Você Daqui
04 De Que Vale A Minha Vida Agora?
05 Querem Separar-me De Você
06 Tudo É Nada Sem Você
07 Momentos Coloridos
08 Vem Ficar Junto De Mim
09 Sorriso Forçado
10 Você
11 Só Lembranças
12 Procuro Esquecer Que Te Amo
13 Esta Noite, Eu Preciso Te Amar
14 Coisas Da Vida
15 Nosso Amor Já Morreu
16 No Toca-Fita Do Meu Carro
17 O Grande Amor Da Minha Vida
18 Você Me Pertence
19 Lembranças Do Rei
20 Adeus, Solidão


MARCELO REIS & THALES HENRIQUE - (2014) SUCESSOS ETERNOS (VOL. 25)

O cantor cearense Marcelo Reis, veterano da legítima música popular brasileira e autor do sucesso "Placa de Venda", por volta de dois anos, vem apresentando-se com seu filho Thales Henrique. A parceria, que gerou a chamada "Dupla Seresteira", já rendeu alguns CDs de sucesso. Entre eles, o álbum "Sucessos Eternos", que postamos agora no MÚSICA DAS ANTIGAS, traz uma compilação de músicas de sucesso da chamada música brega e romântica.

No disco, Marcelo Reis e Thales Henrique revisitam importantes marcos da genuína MPB e os clássicos da música brega. Estão homenageados aqui Waldick Soriano, José Ribeiro, Fernando Mendes, Carlos André, Nelson Ned, Lindomar Castilho, Bartô Galeno, Genival Santos, Reginaldo Rossi, Odair José e outros.


Faixas:

01 O Milionário
02 Boate Azul
03 Bom Dia, Meu Amor
04 Eu Lhe Peguei No Flagra
05 Perfume De Gardênia
06 No Toca-Fita Do Meu Carro
07 Garçom
08 Leviana
09 Perfídia
10 A Raposa E As Uvas
11 Tortura De Amor
12 A Dama De Vermelho
13 Cadeira De Rodas
14 Domingo À Tarde
15 Vou Tirar Você Desse Lugar
16 Não Posso Negar Que Te Amo
17 Eu Não Sou Cachorro, Não
18 Doida Demais
19 Lua De Mel
20 Placa De Venda


AUGUSTO CÉSAR - (2012) SERESTAS

Lançado em 2012, o álbum "Serestas" traz uma seleção de sucessos da carreira do cantor pernambucano Augusto César, acompanhados de clássicos da chamada Geração Romântica da música popular brasileira dos anos 70 e 80.

Na estrada desde essa época, o cantor Augusto César não abandonou suas origens e mantém uma agenda invejável de apresentações pelo país afora.

"Serestas", como ele próprio considera, é uma coletânea de sucessos e de pedidos que não podem faltar em seus shows.


Faixas:

01 A Vida É Mesmo Assim
02 A Desconhecida
03 Na Hora Do Adeus
04 Os Brutos Também Amam
05 Entre Ele E Eu
06 Você Não Me Ensinou A Te Esquecer
07 Eu Vou Tirar Você Desse Lugar
08 Vá Com Deus
09 O Mais Importante É O Verdadeiro Amor
10 Princesa
11 Você Pode Me Perder
12 Tortura De Amor
13 Sol Da Minha Vida
14 Sinfonia Da Mata
15 Beijo Gelado
16 Razões Para Chorar
17 O Divã
18 Escalada
19 Timidez
20 Eu Vou Ter Sempre Você
21 Não Se Esqueça De Mim


WALDIR RAMOS - (1984) O MELHOR DE WALDIR RAMOS (SÉRIE APLAUSO)

Das pouquíssimas coletâneas de Waldir Ramos, esta, da série "Aplauso", lançada nos anos oitenta, é a que melhor resume a carreira do compositor e cantor, em sua fase de maior sucesso.

Aqui estão as clássicas "É Melhor Andar Sozinho", "O Ônibus Que Vai Partir", "Quem Bate Esquece", "Papel Não Segura Ninguém", "Cristo Rei", "O Mais Solitário Sou Eu", entre outras pérolas da dor-de-cotovelo.


Faixas:

01 É Melhor Andar Sozinho
02 Oh! Carol
03 O Ônibus Que Vai Partir
04 Quem Bate Esquece
05 Por Teu Amor, Estou Morrendo
06 Papel Não Segura Ninguém
07 Ana Luiza
08 Eu Não Tive Infância
09 Perdoa-Me, Senhor
10 Cristo Rei
11 O Mais Solitário Sou Eu
12 O Vídeo Do Meu Pensamento

linque

WALDIK SORIANO - (1995) SÉRIE 1+1 2 LPS

Waldick, ou Waldik, Soriano nasceu em Caetité, Bahia, no dia 13 de maio de 1933. Vinte e sete anos depois, com o lançamento de seu primeiro registro musical, em 1960, o Brasil viria a conhecer um de seus maiores ícones populares.

Segundo Patrícia Pillar, atriz e diretora do documentário "Waldick: Sempre no meu coração", Waldick Soriano foi "um homem digno que assumiu sua vida, sem lamentos nem arrependimentos". Uma das definições mais acertadas acerca de sua trajetória, que emociona fãs pelo mundo afora, até os dias de hoje, sete anos após seu falecimento, em 2008.


Faixas:

01 O Nosso Amor Durou Somente Uma Semana
02 Aniversário Do Nosso Casamento
03 Livre De Tudo
04 Vai Dormir Teu Sono
05 Meu Mundo É Diferente
06 Brigamos Mais Uma Vez
07 Paixão De Um Homem
08 Quem Gosta De Mim Sou Eu
09 Mal De Amor
10 Eu Te Amarei Eternamente
11 Perfidia
12 Frenesi
13 Frio Em Minh'alma
14 Palavras De Mulher (Palabras De Mujer)
15 Beija-me Muito (Besame Mucho)
16 História De Um Amor (História De Un Amor)
17 Vereda Tropical
18 Hipócrita
19 Amor
20 A Porta (La Puerta)


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Linque quebrado?

Encontrou algum linque quebrado?

Marcadores

A Patotinha (1) Abdias (2) Abílio Farias (7) Abílio Manoel (1) Absyntho (1) Adelino Nascimento (12) Adilson Ramos (8) Adriana (7) Adriano Santa Cruz (1) Agepê (1) Agildo Ribeiro (1) Agnaldo Rayol (2) Agnaldo Timoteo (17) Alcides Gerardi (1) Aldo Sena (1) Alípio Martins (14) Almir Ricard (1) Almir Rogério (7) Altemar Dutra (2) Amado Batista (18) Amelinha (1) Amilton Lelo (10) André Amazonas (1) Angela Maria (4) Angélica (1) Angelo Máximo (10) Anísio Silva (2) Antonio Carlos e Jocafi (1) Antonio Marazona (1) Antonio Marcos (21) Ary Lobo (1) Ary Toledo (1) Assisão (1) Augusto César (3) Babau do Pandeiro (6) Balthazar (7) Banda Cabeça Enfeitada (1) Barros de Alencar (12) Bartô Galeno (15) Bebeto (2) Benito di Paula (2) Beto Barbosa (6) Betto Dougllas (5) Biafra (7) Bianca (2) Bicho Véi do Brega (1) Boas-vindas (1) Borba de Paula (2) Canarinhos de Petrópolis (1) Capital do Sol (1) Carlito Gomes (3) Carlos Alberto (6) Carlos Alexandre (20) Carlos André (9) Carlos Colla (3) Carlos Gonzaga (2) Carlos José (1) Carlos Santos (8) Carlos Silva (1) Carmen Silva (12) Cast RCA (1) Cauby Peixoto (6) Célio Roberto (5) Cesar Sampaio (8) Chacrinha (1) Chico Amaro (1) Chico Lopes (1) Cid Moreira (1) Claudette Soares (2) Claudia (1) Claudia Barroso (11) Cláudia Telles (3) Claudio de Barros (1) Claudio Di Moro (3) Cláudio Fontana (4) Claudio Galeno (1) Claudio Roberto (3) Clemilda (1) Coro Infantil da FuNaBEM (1) Coroné (1) Coronel Ludugero (1) Cristiano Neves (1) Demetrius (1) Denis e Demian (1) Diana (18) Dicró (1) Dino Rossi (1) Discografia (14) Donizeti (2) Dory Edson (1) Dudu França (4) Ed Wilson (1) Édel Reis (2) Edelson Moura (1) Edson de Oliveira (1) Edson Duarte (4) Eduardo Araújo (3) Eli Correa (1) Eliana Pittman (1) Elino Julião (10) Elisângela (3) Elizabeth (2) Elymar Santos (1) Erasmo Carlos (7) Evaldo Braga (20) Evaldo Freire (8) Evinha (2) Fábio (1) Fábio Jr (9) Fafá De Belém (2) Falcão (7) Fernando Lelis (10) Fernando Luiz (5) Fernando Mendes (25) Franc Landi (1) Francis Dalva (3) Francisco Cuoco (13) Francisco Petrônio (7) Frankito Lopes (14) Fredson (6) Genghiskan (1) Genival Lacerda (9) Genival Santos (12) Geraldo Nunes (3) Giane (3) Gilberto Lemos (4) Gilberto Reis (1) Gilliard (14) Gilson (3) Gretchen (7) Harmony Cats (1) Heleninha (1) Heleno (5) Helio Portinhal (2) Hermes Aquino (1) Ismael Carlos (10) Ivan Peter (3) Ivon Cury (1) J. Aquino (5) Jacinto Limeira (1) Jair Rodrigues (1) Jane e Herondy (12) Jayne (1) Jerry Adriani (16) Jessé (1) Joanna (3) João Dias (1) João Gonçalves (2) João Só (1) João Viola (2) Joelma (9) Jorginho do Império (1) José Augusto (19) José Augusto Sergipano (1) José Orlando (4) José Ribeiro (8) José Roberto (5) Juanita (3) Juanita e Richard (3) Juca e Jeca (1) Juca Medalha (1) Julia Graciela (2) Júlio César (6) Júlio Nascimento (4) Kátia (13) Katia Cilene (1) Kleber (1) Lafayette (3) Latino (1) Leila (1) Leila Silva (1) Lenita Santos (1) Leno (2) Leno & Lilian (3) Leonardo (2) Lilian (9) Lindomar Castilho (17) Lindomar Lins (1) Lindú (1) Los Angeles (1) Luan e Vanessa (1) Luiz Américo (2) Luíz Caldas (1) Luiz Carlos Magno (3) Mamonas Assassinas (1) Mara (1) Marcelo (1) Marcelo Reis (4) Marcio França (3) Marcio Greyck (16) Marcio José (11) Marcos Roberto (10) Marcos Sabino (1) Marcus Pitter (1) Maria Alcina (3) Marinês (1) Mario Gomes (1) Maritza Fabiani (1) Marizinha (1) Markinhos Moura (3) Martinez (1) Martinha (7) Matogrosso e Mathias (1) Maurício Mattar (1) Maurício Reis (9) Maurinho da Mazzei (1) Maurinho Jr (1) Mauro Celso (3) Mauro Cotta (1) Mauro Sérgio (1) Meire Rose (1) Messias Holanda (4) Michael Sullivan e Paulo Massadas (2) Miguel Angelo (1) Miguel De Deus (1) Miltinho Rodrigues (1) Moacyr Franco (10) Nahim (3) Nalva Aguiar (6) Nelson Gonçalves (8) Nelson Montenegro (1) Nelson Ned (8) Nilton César (10) Nilton Lamas (5) Nora Ney (5) Noriel Vilela (1) Núbia Lafayette (10) Odair José (30) Onildo Almeida (1) Orlando Dias (4) Orlando Silva (2) Os 3 do Nordeste (1) Os Incríveis (2) Osvaldo Oliveira (2) Oswaldo Bezerra (5) Ovelha (5) Patrick (1) Paulo de Paula (4) Paulo Diniz (3) Paulo Henrique (2) Paulo Márcio (3) Paulo Moraes (1) Paulo Sergio (19) Peninha (9) Perla (19) Pholhas (1) Pinduca (3) Raimundo Soldado (9) Raul Gil (1) Raul Seixas (3) Raulzinho (1) Regina Duarte (1) Reginaldo Rossi (27) Renato e Seus Blue Caps (2) Ricardo Braga (11) Rita Cadillac (1) Ritchie (2) Roberto Barradas (2) Roberto Barreiros (2) Roberto Leal (6) Roberto Luna (1) Roberto Müller (6) Roberto Nunes (1) Ronaldo Adriano (6) Ronaldo Resedá (1) Ronnie Von (8) Rony Cardoso (1) Rosana (7) Rosemary (8) Rossini Pinto (1) Rufino (1) Sandra De Sá (1) Sandro Becker (4) Sara Sonaya (1) Sarajane (1) Sérgio Mallandro (9) Sérgio Reis (5) Sidney Magal (8) Silvana (1) Silvinha (2) Silvinho (3) Sol (2) Sueli (1) Sula Mazurega (1) Sula Miranda (1) Sylvinho (2) Tarântulas (1) Tarcys Andrade (1) Teixeira de Manaus (2) Tetê Espíndola (1) The Clevers (1) The Fevers (6) The Golden Boys (1) Tião Macalé (1) Tiririca (2) Tony Damito (3) Trio Esperança (1) Trio Irakitan (1) Trio Nordestino (1) Trio Xamego (1) Tutti-Frutti (1) Vanusa (12) Vários Artistas (120) Verônica Sabino (1) Vic McKenzie (1) Virgilio (1) Wagner Montes (2) Waldick Soriano (28) Waldir Ramos (3) Waldirene (6) Waleska (1) Walter Basso (3) Wanderléa (8) Wanderley Andrade (1) Wanderley Cardoso (8) Wando (14) Wilson Miranda (1) Yahoo (1) Zé Calixto (1) Zenilton (3) Zezinho Barros (1)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...